Furinhos da beleza – Por dentro do Microagulhamento Fracionado

 Publicado por: Sullege Suzuki

Nosso corpo sabe o que faz. Ele mesmo oferece os recursos necessários para que a gente possa manter a jovialidade e a beleza. Basta sabermos como estimula-lo a fazer isso. Um dos jeitos mais interessantes e práticos de recuperar a elasticidade da pele é com o chamado microagulhamento. E sua aplicação não poderia ser mais simples.

O nome técnico é longo e meio difícil - Indução Percutânea de Colágeno por Agulhas. Mas isso não é tão importante. O que é importante é saber que, quando aplicado por uma dermatologista habilidosa, esse procedimento pode atingir ótimos resultados.

Utilizando diversas agulhas minúsculas, pequenos furinhos controlados são projetados sobre a pele. Como na prática se tratam de pequenos ferimentos, o corpo imediatamente inicia a regeneração esses furinhos. Com isso, ele começa a aumentar a penetração de ativos e produzir colágeno, substituindo as camadas mais envelhecidas da pele e, assim, recuperando a juventude da tez.

Tudo por um furo

O procedimento pode ser realizado de diferentes maneiras, com técnicas específicas - desde pequenos rolos que sustentam as agulhas, que contam com a sensibilidade da profissional, ou com equipamentos automáticos, com os quais é possível regular a profundidade das agulhas e até mesmo ser feita em associação com outras técnicas, como a radiofrequência.

É um procedimento muito versátil. O microagulhamento pode ser utilizado para diversas necessidades da pele. Para se ter uma ideia, podemos citar: cicatrizes de acne, estrias, flacidez, melasma, combate de rugas e linhas de expressão. Isso porque o médico pode definir o tamanho e profundidade das agulhas que serão usadas ou mesmo alternar, quando utilizados os equipamentos automáticos, garantindo alcance e precisão.

Para garantir o total conforto durante o procedimento, é feito uso de anestésicos tópicos, evitando que o volume das microperfurações possa incomodar. No entanto, de uma maneira geral, a dor do microagulhamento é mais do que tolerável.

Alguns cuidados a mais

Feito o microagulhamento, a pele é trabalhada precisa receber cuidados especiais durante algum tempo, como o uso diário do filtro solar e cremes cicatrizantes, que melhoram o resultado. Depois da sessão, é possível perceber uma vermelhidão na pele, como se tivesse ocorrido exposição ao sol sem filtro solar. Mas essa reação desaparece após as primeiras horas.

É importante frisar que antes de o cliente iniciar o tratamento, ele passa por uma consultoria estética na unidade, que irá determinar o número de sessões, pois cada tipo de pele responde de uma forma. Por isso, é preciso realizar o microagulhamento nas mãos de uma profissional experiente e habilidosa.

O Espaço Sullege Suzuki é especialista em tratamentos dermatológicos como o microagulhamento. Alguns furinhos em troca de um rejuvenescimento facial é uma troca perfeita. Entre em contato conosco e agende sua consulta.

Agende sua consulta

    Espaço Sullege Suzuki | 2018. © Todos os direitos resevados
    Desenvolvido por Link9 & MedConsulting